Gerador de Nomes para Empresas de Calçado

Gere ideias de nomes para a sua empresa de calçado em baixo

Escolher o nome certo para a sua empresa de calçado

Sabia que a área de venda e produção do calçado é muito forte em Portugal? Várias empresas portuguesas inventam cada ano calçado novo e sustentável, assim como produzem para várias marcas lá fora. Como tal, ter uma sapataria em Portugal é essencial. Falamos de um país que a moda é preocupação, mas o conforto ainda mais. 

Atualmente, as sapatarias tornaram-se algo mais acessível e por isso a concorrência também é maior. Para que se possa destacar terá de criar um nome que sobressaia tanto num espaço físico como num espaço online. O importante é analisar o mercado atual e pensar muito bem na escolha de um nome que eleve o seu negócio, resulte em vendas e traga lucros. 

Experimente o nosso Gerador de Nomes para Empresas de Calçado e encontre várias ideias para o seu negócio. Neste artigo analisaremos palavas tendência, dicas e palavras relacionadas com a sua sapataria. 

Marca e Público Alvo

Produtores de sapatos, empresários com lojas e distribuidores de calçado devem adotar uma abordagem de marketing que foque em várias características chave, como confortável, produção de excelência, edições limitadas. A palavra Sneaker, por outro lado, possui uma energia jovem e simples. No que toca à moda de sapatos femininos, o requinte, o luxo e o design original devem ser enfatizados. 

Como pode ver, não há apenas um caminho que atenda a todas as soluções de promoção de marca no mundo dos sapatos e calçados. Inicialmente, deve identificar o seu nicho e com base nessa informação, pode determinar o segmento de mercado com que irá trabalhar. 

A sua marca e nome devem transpirar autenticidade. Para isso, identifique os pontos fortes do seu sapato. São feitos à mão? São produzidos com material sustentável? Usam couro? Ou o seu calçado é personalizado e destinado a jovens próximos dos 20? Respondendo a essas perguntas, irá atrair um público concreto para que possa criar uma marca autêntica. 

Interesses Demográficos

O mercado do calçado não é estático. As preferências e comportamento dos consumidores mudam de ano em ano, tornando muito difícil construir a marca apenas uma vez para abster-se de fazer qualquer outra coisa em termos de comunicação efetiva e marketing.

Uma das maiores tendências que tem vindo a afetar o mercado é o aumento do uso de produtos amigos do ambiente. Isto significa, por exemplo, que os consumidores estão a deixar produtos de pele natural para trás, a fim de comprarem calçado com materiais sustentáveis como tecido ou falso couro. 

Muitas marcas, incluindo gigantes como a Nike, Reebok e Adidas tem respondido a essa mudança através da eliminação completa do couro da criação de linhas específicas baseadas em alternativas amigáveis ao meio-ambiente.

Também é interessante pontuar que entre muitos segmentos de mercado, o preço não é um fator determinante para a escolha de um tipo de sapato ou outro. Opções especiais e personalizadas viram um crescimento significante ultimamente. Aproximadamente 25 porcento das compras feitas online são personalizadas. Estilo e conforto são as principais preocupações e o público faz muitas compras com base nisso. 

9 passos para escolher o nome da sua empresa de calçado

1. Faça uma análise da concorrência 

Pesquise e faça uma análise da concorrência como o seu primeiro passo para economizar muito tempo no futuro, assim saberá quais os nomes a evitar e os que funcionam no mercado. Quando estiver a analisar a concorrência pense sobre: 

  • Quais os valores do negócio? O nome transmite esses valores? 
  • Existe alguma tendência nos nomes desses negócios? Evite tendências, pois essas são passageiras e podem ser um obstáculo para a sua expansão futura.
  • Qual dos nomes é o melhor? E porquê? Pegue nessas respostas e pense de que forma pode produzir um nome melhor. 

2. Foque-se em dar um nome ao seu negócio, não em descrevê-lo

Quando dizemos para transmitir a mensagem ou valores do seu negócio, não queremos dizer que o faça literalmente. Esta é uma armadilha típica que a maioria dos negócios cai, pois usam termos cansados, isto é, palavras que já são usadas em excesso. Experimente dar um nome que tenha uma história por detrás disso. 

Vejamos o exemplo de uma marca de calçado chamada “Lusitana”. Literalmente, este nome comunica que se trata de um negócio cujos produtos são todos de produção portuguesa. Fica no ouvido e transmite credibilidade, porque tudo o que é produto nacional geralmente está associado a uma boa produção. 

3. Crie um brainstorming das suas ideias

Crie um brainstorming das palavras que podem estar associadas ao seu negócio e produtos que apresenta. Reúna tudo que lhe vier à cabeça, ideias, nomes, imagens. Tudo literalmente, não limite a sua criatividade e deixe-se levar.

Neste ponto, o seu objetivo é criar uma lista de palavras ou nomes que lhe venham à mente quando pensar no seu negócio. Caso esteja com falta de ideias, utilize o nosso gerador de nomes que será certamente uma excelente ajuda.

4. Faça uma lista restrita das suas ideias

Após ter desenvolvido uma lista de possíveis nomes, faça uma análise das suas ideias. Retire qualquer nome que possa ser difícil de lembrar, pronunciar ou dizer em voz alta. Opte por nomes característicos, que soem de forma positiva, sejam fáceis de memorizar e que comuniquem os valores do seu negócio ao seu público-alvo.

Utilize o próximo checklist para o ajudar a encurtar a sua lista de nomes: 

  • O nome é simples e fácil de lembrar?
  • O nome é fácil de ler e dizer em voz alta?
  • O nome é diferente da concorrência?
  • O nome transmite um significado relevante?
  • O nome evita palavras usadas em excesso ou clichés?

5. Crie um nome memorável 

Criar um nome de negócio memorável é o primeiro passo para entrar na mente do cliente. O seu nome deve ter como objetivo parar um cliente no seu caminho para entrar na sua empresa paisagista ou abordá-lo e dar uma informação extra sobre o seu negócio face a outros concorrentes. 

Utilize rimas ou aliterações, experimente usar palavras que sejam relevantes, mantenha-o curto e simples e assim obterá um nome de sucesso para a sua empresa.

6. Verifique se o nome está disponível ou já foi registado

Para não correr o risco de tomar uma decisão sobre o seu nome e depois perceber que já foi utilizado por outra empresa verifique se o nome já foi registado. Tenha pelo menos três a quatro grandes nomes comerciais para o seu negócio, para caso algum dos nomes já tenha sido utilizado, ter outras alternativas.

Procure o nome nas redes sociais, faça uma pesquisa no Google e certifique-se que não existe nenhum domínio de website registado. É importante que o nome não esteja registado tanto no domínio como nas redes sociais, para que possa alinhar o seu negócio em ambas.  

7. Experimente comprar nomes característicos de empresas

Nomes característicos de empresas são nomes que não possuem sentido, mas quando são lidos soam bem. Estes nomes frequentemente usam padrões de letras (Vogais/Consoantes/Vogais), pois essas estruturas são tipicamente curtas, atraentes, fáceis de pronunciar e lembrar. Poderá encontrar uma lista completa de nomes de empresas características em Domainify.com

8. Evite combinações de palavras apenas para criar um nome único

Outro erro que os empresários cometem várias vezes é criar péssimas combinações de palavras quando descobrem que as suas ideias de nomes já estão em uso. Por exemplo, pensou num nome para a sua marca de calçado e descobriu que já estava em uso, neste caso passe para outras alternativas em vez de optar por nomes similares. 

Ao criar estas combinações estará a dar um passo atrás na sua empresa, uma vez que estes nomes não são atraentes, fáceis de pronunciar ou lembrar.

9. Peça opinião 

Depois de ter uma lista de nomes que considera boas ideias para a sua empresa de calçado, peça a opinião de potenciais clientes ou pessoas que trabalham no mercado. Evite opiniões de familiares e amigos, pois estes estão mais propensos a elogiar as suas ideias e não são seus clientes. Faça perguntas como “Qual a primeira coisa que lhe vem à mente quando escuta o nome? Como se soletra? 

Peça para lerem o seu nome em voz alta e perceba qual das ideias tem mais potencial e lhe parece mais próximo do seu negócio. Através das respostas dadas, pergunte a si próprio se o nome continua relevante e se representa a sua empresa de calçado da forma que planeava. 

Seguindo e concretizando o que referimos nestes 9 passos, estamos certos que encontra o nome de sucesso para a sua empresa. Acompanhar as principais tendências no mercado que atua é uma forma ideal de garantir que seu negócio continue relevante no mercado. 

Análise de Nomes da Concorrência

Louboutin – Aqui está uma história de uma marca de sapatos que não tem um nome particularmente criativo, mas que se tornou um adjetivo no mundo do calçado fashion. O nome da empresa surgiu em função do designer, Christian Louboutin.

Converse – A empresa era originalmente conhecida como Converse Rubber Shoe Company. Inicialmente, produziam apenas galochas de borracha. Com o tempo, a empresa começou a fazer os ténis que todos conhecemos hoje e o nome foi simplificado para Converse.

Keds – Originalmente, o nome Peds havia sido escolhido da palavra Latina para “Pé”. O nome já havia sido registrado, e por isso o conceito foi modificado e Keds ficou. 

Ugg – Vindo da Austrália, as botas unissexo Ugg têm um nome proveniente de um termo genérico usado no país “Ugg”, significa pele de cordeiro. Hoje, esse significado é esquecido e a maioria das pessoas pensa na marca. 

Inspirações de Nome para Empresas de Calçado

Botas Robustas – caso pretenda dar à robustez e durabilidade das suas criações, o nome pode ser uma escolha sólida e fácil de lembrar.

Scarpe Squisite – Itália é conhecida como o país onde os sapatos fashion nasceram. Esse nome significa simplesmente “sapatos requintados” e é uma boa escolha para uma marca de alta qualidade.

Corredor – um bom nome para uma empresa que venda sneakers ou outro calçado relacionado ao desporto. 

Couro e Laço – apesar de ser um pouco genérico, o nome é uma boa escolha para uma boutique de sapatos fashion.

Forza – o termo “força” é bastante popular no meio desportivo, e é por isso que o nome é ótimo para sneakers e ténis de corrida.

Bootloose – um jogo de palavras com  “footloose”, o nome é bastante memorável e um pouco mais caprichoso do que os demais da lista.

O que não fazer com o nome da sua empresa de calçado

Acima de tudo não seja aborrecido com seu nome. Não tente soar como outras grandes marcas, pois não será nada a favor da originalidade da sua marca. Seja diferente, mesmo que pense que a sua escolha possa ser um pouco ridícula. Pense na efetividade da sua promoção de marca e no significado da sua marca.

Evite os adjetivos como ‘confortável’ ou ‘estiloso’ no nome da empresa. Poderá apresentar essas características mais para a frente na apresentação do produto de uma forma mais criativa e sem ser tão direto e previsível.

Mantenha o nome simples e fácil de pronunciar. Tenha em especial atenção este ponto, caso seja uma empresa que irá utilizar um nome estrangeiro. O importante é que o mundo em geral consiga perceber mesmo que não seja um nome tão familiarizado em determinados locais. 

Palavras Tendência

  • Calçado
  • Conforto
  • Extra
  • Famoso
  • Infusão
  • Corredor
  • Colmeia
  • Guardião
  • Sneaker
  • Rei
  • Designer
  • Liquidação
  • Armazém
  • Show
  • Fluxo
  • Arremessos
  • Reino
  • Velocidade
  • Outlet
  • Closet
  • Clube
  • Direto
  • Doutor
  • Força
  • Ponto
  • Plataforma 
  • Atleta
We use cookies to offer you our service. By using this site, you agree to our: Cookie Policy