Gerador de Nomes para Serviços de Concierge

O Que Você Precisa Saber Logo De Cara

Geralmente, o termo concierge é utilizado para descrever a pessoa que fica na entrada nos hotéis, mas não atua diretamente com a recepção tradicional. 

Em geral, esse indivíduo atua na realização de demandas dos hóspedes, como chamar táxis ou carros de aplicativos, garantir a reserva de ingressos para eventos ou para entrar em museus, etc.

Essa definição, porém, não corresponde mais à realidade. Embora o cargo de concierge seja oriundo da hotelaria, esse profissional está presente em outros lugares, como em estabelecimentos de compras de grande porte, empresas de serviços específicos e até na recepção de condomínios (geralmente de luxo).

Se você deseja apostar nesse segmento, deve saber o seguinte: trata-se, de fato, de um serviço em expansão. Concierges são os braços direitos de muitas empresas e, muitas vezes, são os responsáveis pelos sentimentos de bem-estar, facilidade, foco que geram bons feedbacks e recomendações de clientes.

Para começar o seu processo de criação de marca, saiba que o seu nome é o seu cartão de visitas. É a partir dele que você conseguirá – ou não – chamar a atenção do seu público-alvo e, então, começar a ganhar espaço no mercado. 

Queremos, muito em breve, apresentar a você o nosso gerador de nomes para serviços de concierge. Antes disso, porém, achamos interessante falar um pouco mais sobre a importância de escolher bem o nome da sua companhia. Vamos lá!

Você Sabe o Que o Nome da sua Marca Precisa Ter?

Para responder a esse questionamento, utilizaremos os ensinamentos de um dos maiores mestres do marketing digital, Neil Patel.

Segundo ele, dar nome a uma empresa é como “nomear uma criança”: ela lidará com as consequências disso para sempre. Não se trata, portanto, de uma escolha que pode ser feita impulsivamente.

Algumas dicas que podem ajudá-lo na hora de escolher o nome:

  • Preze pela clareza: o nome e a sonoridade da sua marca deve falar sobre o que ela é. Utilizar expressões regionais, “memes” datados, jargões que estão na moda e interjeições (Ah! Oh! Uau!) às vezes não é uma boa ideia, portanto, porque tornaria o seu nome ineficaz e até um pouco desconectado do negócio;
  • Diga a que veio: o nome, ainda segundo Neil Patel, não pode fugir da natureza do segmento do qual ele faz parte, nem das metas ou abordagem escolhidos por você para ele;
  • Opte por algo fácil de lembrar: palavras em idiomas que não são muito comuns para o público brasileiro, nomes muito compridos ou complexos e similares tendem a prejudicar o seu negócio. Se você espera que o público lembre do seu nome, torne-o memorável;
  • Torne-o atraente para o público-alvo: se você não souber com quem está falando, não conseguirá estabelecer comunicação efetiva, gerar sentimentos de aproximação e empatia ou mesmo capturar a atenção do interessado. Criar uma marca é dialogar com um grupo específico de pessoas.

Para utilizar o gerador de nomes para serviços de concierge, é bom manter os detalhes acima em mente, mas vamos aprofundar um pouco mais no assunto antes disso.

Brainstorm: como Encontrar Bons Nomes para a sua Marca?

Encontrar o nome perfeito para a sua empresa é um processo! Dificilmente você chegará ao melhor resultado na primeira tentativa: é por isso que incentivamos que você faça processos de brainstorm, mas não sem ter algumas coisas bem definidas sobre o seu negócio.

Além do que já falamos, sugerimos que você faça alguns exercícios. Tenha em mãos papel e caneta antes de continuar a leitura:

Crie muito bem o perfil do seu público-alvo

Chamamos de público-alvo a parte da sociedade que é afetada pelo seu produto ou serviço. Ele é composto por indivíduos que compartilham interesses e objetivos em comum, que fazem parte de faixa etária específica e que, além disso, têm graus de escolaridade e poder aquisitivo similares.

O público-alvo está inevitavelmente relacionado aos serviços que você oferece – é impossível, por exemplo, vender peixe enlatado para veganos, e isso tem pouquíssimo a ver com a qualidade do seu produto. 

Os segmentos que citamos não possuem diálogo e, se você tentar fazer isso, vai se frustrar profundamente (além de afundar a sua empresa). Quanto mais informação você tiver sobre os setores que deseja impactar, melhor: conhecendo bem o seu cliente, você saberá como trazê-lo para perto.

Entendendo o público-alvo na prática

Um exemplo, utilizando especificamente o tema deste artigo: O Grand Hyatt São Paulo, um hotel de luxo, oferece aos seus clientes um serviço de concierge romântico. 

No site oficial da iniciativa, você vê que se trata de um serviço completo, que inclui não apenas hospedagem, mas champagne, rosas no quarto, jantar exclusivo na mesa “mais romântica do restaurante mais elegante do hotel”, pratos criados pelo chef, entre outras coisas.

O concierge romântico, nesse caso, desempenha um papel de consultor e, em contato com o casal, descobre seus gostos e orienta as compras de serviços, criação de surpresas, etc.

Pense: quem consome esse tipo de serviço? Para quem o hotel deve vender, portanto? Qual é o poder aquisitivo desse grupo de pessoas? Quais são os argumentos de podem convencê-los a apostar nos serviços do concierge romântico? 

Como se pode ver, entender o público-alvo permite que façamos as perguntas certas.

Agora que já está clara a importância de entender o perfil do seu cliente, vamos adiante!

Saiba Tudo Sobre O Seu Próprio Negócio

Permaneçamos no exemplo que demos há pouco. O Grand Hyatt é um hotel com um público bastante seleto, que oferece experiências gastronômicas e sensoriais, eventos temáticos, Day SPA, entre outras coisas.

Para que eles possam dar conta de todas essas demandas, não há espaço para desorganização. Todos os funcionários trabalham de acordo com metas, sabem como devem agir em relação aos colegas e aos funcionários, entendem a missão da empresa e, em situações de crise, têm um modus operandi específico.

Isso acontece porque a empresa, como todas aquelas que conhecem a sua consolidação no mercado, tem pilares fortes, valores, missão e normas de funcionamento. Isso não aconteceu “do nada”: tudo foi estabelecido no momento da criação da marca.

E o que isso tem a ver com o nosso gerador de nomes para serviços de concierge? Tudo, na verdade. Quando dizemos que um nome deve transmitir a essência da marca, falamos também sobre aquilo que não é visível à primeira vista, mas que está na raiz de tudo o que enxergamos.

Anote As Palavras-Chave Mais Poderosas

Lembra de que pedimos para que você tivesse papel e caneta em mãos? Vamos explicar agora o porquê.

Sugerimos que você tome o seu tempo para pensar sobre o público-alvo, as especificidades e qualidade do serviço que você deseja oferecer e, claro, o impacto que deseja que os seus serviços de concierge tenham na vida dos seus clientes e na sociedade como um todo.

Ao ter boas ideias, anote na sua folha pelo menos 10 palavras-chave que você acredita que tenham relação direta com o que já foi mencionado. Perguntas que podem ajudá-lo nesse processo incluem:

  • Como eu desejo ser visto pelos meus clientes e possíveis clientes? Por meio de quais estratégias eu posso chegar ao meu público-alvo?
  • Quais são as palavras que eu gostaria que o meu público-alvo utilizasse para descrever os serviços de concierge que recebem de mim? Quais palavras eu não gostaria de ouvir e por meio de quais atitudes posso evitá-las?
  • Qual é o poder aquisitivo de quem fará uso do que eu estou oferecendo? Quanto espero que essas pessoas se disponibilizem para passar pelas experiências que eu posso promover? Quais palavras podem ser usadas para deixar clara a especificidade do meu público?

Agora, você deve ter um grupo de palavras-chave (ou keywords) muito coeso. É hora de passar para o gerador de nomes para serviços de concierge.

Gerador de Nomes para Serviços de Concierge: Como e Por Que Utilizar?

A maior parte das ferramentas utilizadas para criar nomes para marcas fazem junções aleatórias de palavras digitadas pelo usuário. 

O nosso gerador de nomes para serviço de concierge, no entanto, atua de maneira diferenciada: ele possui um algoritmo que, após a inserção das keywords, busca nomes de marca fortes, que possuam diálogo com a indústria da qual fazem parte e que tenham sentido.

Na prática, você terá uma série de nomes fortes e capazes de permitir que o seu processo de criação de marca se torne muito mais dinâmico e inteligente. Você não precisa necessariamente escolher um nome final a partir das nossas sugestões: recomendamos que você faça combinações entre as palavras recebidas!

Outras boas dicas para a utilização da plataforma incluem:

  • Ao gostar de um ou mais nomes, clique no ícone da estrela, disponível ao lado de cada resultado. Dessa forma, você poderá revisitar a lista que escolheu ao final do seu processo;
  • Confira se o domínio para o nome que você mais gostou está disponível para compra diretamente no site;
  • Utilize os filtros à esquerda para definir gênero e flexão das palavras apresentadas;
  • Se fizer sentido para o seu negócio, pesquise palavras-chave em inglês (não se esqueça de modificar o idioma no topo da página). Isso vai gerar nomes com um quê de autoridade interessante, mas lembre-se: se manter simples, compreensível e marcante é sempre a melhor opção.

20 Nomes para Marca de Serviços de Concierge Gerados pela Plataforma

Explicamos como você pode utilizar o nosso gerador de nomes para serviços de concierge e, agora, vamos mostrar a ferramenta funcionando na prática!

Para gerar os 10 primeiros nomes que iremos apresentar, utilizamos o filtro em português (Brasileiro). Para isso, fizemos a troca de idiomas no topo da página. 

Feito isso, nós digitamos na barra de pesquisa as seguintes palavras: concierge, hotel, luxo. Poderíamos ter escolhido mais keywords, mas optamos por testar primeiro. Chegamos a resultados como:

  • Ideal Concierge;
  • Ocasional Luxo;
  • Analítica Concierge;
  • Luxo Particular;
  • Virtual Concierge;
  • Luxo Sentimental;
  • Gerador (de) Luxo;
  • Peculiar Concierge;
  • Familiar Luxo;
  • Moderno Concierge.

Trocamos agora o idioma e fizemos a pesquisa em inglês. Utilizamos palavras similares, como concierge, hotel, luxury (que é luxo em inglês). Perceba que faz sentido usar vocábulos que sejam idênticos em ambas as línguas ou que possam ser traduzidos de maneira bem rápida e simples.

Chegamos aos seguintes resultados:

  • Concierge Virtue;
  • Premium Concierge;
  • Luxnest;
  • Hotelworks;
  • Clever Concierge;
  • Hotelopedia;
  • Luxology;
  • Hotelfluent;
  • Luxocity;
  • Concierge Vanguard.

3 Nomes de Serviços de Concierge Reais

Após utilizar nosso gerador de nomes para serviços de concierge, é bem possível que você tenha tido algumas ideias bem interessantes para nomear o seu negócio. Para dar a você ainda mais inspiração, trouxemos 3 nomes reais para você analisar:

Senior Concierge

Empresas que falam tudo depressa: a Senior Concierge é uma companhia de serviços de cuidados para idosos, especializada em oferecer auxílio para pessoas com mais de 70 anos que precisam de suporte externo para manter a sua rotina e a vida organizadas.

Royal Concierge

Royal é “Real”, ligado de fato à realeza, e isso transmite a quem escuta não apenas autoridade, mas aquele “algo a mais” que faz com que desejemos saber mais sobre um serviço. Nesse caso, o serviço visa oferecer auxílio para quem está desembarcando no aeroporto internacional de São Paulo.

My Premium Concierge

“Meu Concierge Premium”: de novo, a utilização de palavras estrangeiras faz mais sentido quando você consegue ler e traduzir rapidamente o nome do negócio, mesmo que você não seja um falante avançado de inglês. “Premium”, aliás, já diz tudo sobre o teor da experiência: trata-se de um serviço onde um guia local recomenda a estrangeiros os melhores eventos, restaurantes e similares.

Esperamos que este artigo tenha lhe auxiliado no entendimento do seu próprio negócio – e que o nosso gerador de nomes para serviços de concierge tenha trazido à sua mesa inúmeros insights positivos!

Frequently Asked Questions (FAQ)

É importante que você escolha um nome que não apenas dialogue com o seu segmento, mas que seja capaz de transmitir aos que o escutam a sua autoridade, valores e também o tipo de público para quem você fornece serviços. Preze pela simplicidade, pela inteligência e pela sonoridade também!

Nada impede que você inove na hora de criar o nome da sua marca. É recomendável, porém, que você prefira sempre o bom gosto: se o seu nicho é extremamente formal ou de luxo, piadas podem gerar algum desconforto e diminuir a sua confiança perante o público-alvo.

Se o seu segmento permite a utilização de outros idiomas, como o inglês, estimulamos que você gere uma boa quantidade de nomes. Dessa forma, você poderá combiná-los entre si, verificar quais soam melhor, etc. Cuidado, porém, para não criar um nome difícil de pronunciar, que soe arrogante ou que não diga “de primeira” quem você é e o que faz.

Sim. Após escolher o nome da sua marca, faça uma pesquisa no site do Instituto Nacional da Propriedade Intelectual (INPI) para saber se há outra empresa com o mesmo nome dentro do seu segmento. Se o nome que você escolheu for inédito, recomendamos que dê início ao processo de registro de marca. Dessa maneira, você estará protegido, inclusive judicialmente, de plágios e similares.
We use cookies to offer you our service. By using this site, you agree to our: Cookie Policy