Gerador de Nomes para Marcas

Gere ideias de nomes para a sua marca em baixo.

Criar um nome para a sua marca

Criar um nome para uma marca envolve mais do que uma ideia inteligente. O nome requer pesquisa e não deve estar apenas relacionado com o seu produto, mas também com a essência natural do seu negócio. É preciso que a sua marca se identifique com a mensagem global do negócio e que seja fácil de lembrar. Quando o público vir a sua marca, ela tem de ser facilmente reconhecida e despertar emoções positivas.

Antes de passarmos à frente, é essencial perceber que o nome da sua marca deve ser único para se destacar da competição; deve ser fácil de pronunciar, lembrar e identificar; e deve estar relacionado com o produto de alguma forma, oferecendo uma ideia sobre o propósito e qualidade dos produtos elaborados pela empresa.

Neste artigo iremos analisar os objetivos da marca, público-alvo, posicionamento da marca, interesses demográficos e alguns dos melhores exemplos de nomes de marcas.

Passo a passo para escolher o nome da sua marca

  1. Inicialmente crie uma lista de palavras que se relacionem com a identidade da sua marca. Dessas palavras, considere as conotações e implicações de cada uma. Essas palavras tem sinónimos, antónimos que possam funcionar também?
  2. Após ter essa lista de palavras, retire as que tenham potencial de conotação negativa e as que são difíceis de pronunciar.
  3. Em seguida pegue nas suas palavras favoritas e crie uma ampla lista de ideias de nome.
  4. Examine essa lista e perceba se correspondem aos objetivos da sua marca. Tenha a certeza que todos os nomes na lista respeitam os requerimentos legais e se pode obter o seu domínio nas redes sociais e na internet.
  5. Pense como serão essas ideias recebidas no exterior e na forma como serão traduzidas noutros idiomas.
  6. Pesquise sobre o consumidor, peça opinião às pessoas para descobrir o que é que elas pensam sobre o seu nome.
  7. Como é que o público verá a sua marca? Que tipo de publicidade irá fazer para alcançar os objetivos da marca? O nome escolhido fica bem em etiquetas, outdoors e redes sociais?
  8. Repita esse processo até encontrar um nome que pareça certo. Não se apresse, poderá levar semanas ou horas, o importante é não desistir.

Pontos fundamentais para escolher o nome da sua marca

A constituição da sua marca

As marcas funcionam como promessas. Elas são garantias de que o produto feito por aquela empresa irá funcionar como esperado. Se as pessoas estiverem informadas sobre a representação da empresa e do que ela oferece, com o tempo tornam-se fieis e as decisões de compra da sua marca ficam mais fáceis.

“Uma marca é constituída com o tempo, pelas impressões, algumas da empresa, dos seus produtos ou serviços e são confirmadas (ou destruídas) pelas experiências.”

Existe uma data de associações que o consumidor cria com uma marca antes de comprar algo. Por exemplo, muitos clientes são convencidos pelas implicações éticas de comprar uma marca em particular. Uma marca conhecida pelo trabalho infantil na produção dos seus produtos poderá perder clientes para uma marca cujo processo de produção seja claramente descrito como ético. A marca é o rosto, a personalidade da empresa e uma boa marca fará o cliente conectar-se emocionalmente.

Considere o posicionamento da sua marca

Saber posicionar a sua marca é uma parte essencial da estratégia de marketing. É preciso que esteja constantemente atento às necessidades e desejos dos seus consumidores para não perder as últimas tendências e criar uma marca competitiva. Compreenda as similaridades e diferenças entre si e sua concorrência. Um posicionamento inteligente da marca permitir-lhe-á falar com credibilidade para os públicos-alvo identificados.

Pense no seu ramo, nas tendências atuais dele e em todas as associações feitas com esse ramo. Por exemplo, para o ramo de comida orgânica, você pode pensar em comida saudável e receitas. Pergunte a si mesmo, quais são os interesses do meu público-alvo? E que tipo de marcas é que eles atualmente se associam e porquê?

A marca Disney é um exemplo de posicionamento muito inteligente. O seu logótipo é famoso por incontáveis repetições e remete-nos sempre para as animações maravilhosas e os contos-de-fadas. O toque artístico é voltado para as crianças, mas a sua identidade única gera nostalgia em todas as gerações. O nome está puramente apontado para um nicho específico, a animação. Se a Disney tivesse criado um nome e um logo com uma tipografia monótona, provavelmente teriam dificuldades em alcançar o seu público-alvo e obter a resposta que recebem hoje.

Concilie o nome com a identidade da marca

A identidade da marca são um conjunto de associações que destacam as características únicas e diferenças da marca. Uma identidade de marca deve ser altamente identificável, pois uma estimulação mental pode levar a uma probabilidade maior de consumidores no que toca ao consumo da marca.

A marca “Descendente de Odin”, por exemplo, é uma pequena marca de roupas que construiu a sua identidade a partir da perceção dos Vikings serem fortes. É com esta base, que a sua roupa desportiva se destaca num mercado competitivo. A marca criou esta perceção e reforçaram esta mensagem através de uma campanha de marketing inteligente que envolve lutadores na área do desporto. Ben Mudge, é um dos nomes que os representa, um personal trainer de inspiração que luta com a sua condição de Fibrose Cística.

Quando pensar na sua própria identidade de marca, considere várias coisas. Daqui a 5 ou 10 anos onde quer que a sua marca esteja? A sua resposta irá ajudá-lo a descrever exatamente seu tom, posicionamento de marca e relacionamentos. Uma identidade de marca deve constituir tudo sobre como uma marca quer ser reconhecida, neste caso o nome, as cores reconhecíveis como marca registada, o logo e um slogan.

Planeie a sua imagem de marca

Três das principais coisas que deve considerar quando perceber a imagem da sua marca são:

  • O logótipo
  • O slogan breve que acompanhe os principais valores da marca
  • A identidade visual – deve ser interessante, envolvente, memorável, única e consistente.

A marca deve ser facilmente reconhecível e os valores da marca, posicionamento da marca e identidade da marca devem ser implícitos. Uma imagem de marca forte deve estar ligada a um propósito e permitir aos consumidores que associem a sua marca como uma solução para qualquer problema. Se o público tem um problema, o seu produto resolve! Esta é a imagem que a sua marca deve transmitir.

A imagem de Marca é a associação instantânea que as pessoas fazem com um estímulo visual. A imagem de marca da Disney, por exemplo, relaciona diversão com tradição, enquanto que a imagem de marca da Apple é a venda de produtos únicos e inovadores.

Descreva a personalidade da sua marca

A marca Dyson, por exemplo, tem uma abordagem inovadora, científica e inteligente para a criação e produção de aspiradores de pó. Eles pegaram num aparelho monótono do dia-a-dia e através da sua marca deram-lhe personalidade e a verdade é que os consumidores adoram!

A diferença entre imagem da marca e personalidade da marca é que o ponto anterior são as associações físicas e benefícios tangíveis da marca enquanto a personalidade é muito mais indicativa de uma resposta emocional.

Escolhas de nomes de sucesso

Vamos conhecer então algumas das marcas mais conhecidas do mundo, que implementaram os passos anteriores.

Google

Google é um dos maiores nomes mundiais. O seu nome deriva de um leve erro de escrita da palavra “Googol”. Um “googol” é o segundo maior número: 1 x 10^100. O objetivo era escolher uma palavra que representasse com precisão o que é essencialmente a maior fonte de dados. Mas assim ficou o erro de escrita ‘Google.

Disney

O nome da Disney provém do seu fundador, Walt Disney. É importante realçar que o nome Disney é um nome incomum e por isso, o seu significado e personalidade se tornaram sinónimo de entretenimento. Através dos anos, o estúdio produziu animação de alta qualidade, introduziu tecnologia e levou os Estúdios Disney à vanguarda da indústria de entretenimento. A marca é agora uma promessa, construída na herança, de um nome que transmite qualidade, altos padrões e entretenimento original.

Verizon

Verizon é uma mistura de duas palavras. Primeiro, da palavra latina ‘veritas’, que significa verdade e a segunda, Horizon , que significa horizonte. Esta mistura de palavras é uma declaração poderosa para uma empresa de telecomunicações. Horizon sugere grandiosidade e veritas sugere que a marca é confiável. O resultado é uma palavra facilmente memorável.

Nike

Nike passou por várias mudanças antes de se tornar a marca que conhecemos hoje, o que pode mostrar o quão difícil pode ser dar um nome a uma marca. Originalmente os fundadores Bill Bowerman e Phil Knight queriam chamar a empresa de ‘Dimension 6’. Até 1971, a empresa não mudou para o nome atual. Nike é a Deusa Grega da Vitória. Para uma marca de roupas desportiva, isso é perfeito, pois representa vitória para as pessoas que a usam.

Amazon

Jeff Bezos, em 1995, queria dar um nome ao seu serviço de entregas e depois de muita controvérsia na escolha do nome, concluiu que seria Amazon, o maior rio do mundo. A razão pela qual ele escolheu esse nome é porque os rios, a água, de forma geral, é tradicionalmente a forma mais eficiente de transportar bens.

Inspiração de nomes para marcas

Neste ponto damos-lhe algumas ideias de nomes para marcas para vários mercados.

  • Daemon: Uma palavra interessante que na mitologia grega significa espírito interior ou força orientadora. Na tecnologia, é um subprograma que funciona como um processo de fundo, em vez de estar sob o controlo direto de um utilizador interativo. Devido à pluralidade de significados, destaca-se como um nome.
  • Eros: O Deus Romano do Amor. Seria um excelente nome para uma marca de beleza, visto que o nome falaria directamente aos desejos dos consumidores.
  • Bubblicious: Bolhas e delicioso em inglês. Um nome interessante para uma empresas de bebidas com gás destinada a crianças.
  • Blended Flavours: Um nome simples para uma empresa alimentar. A mistura de sabores tem conotações positivas de sabores únicos e novos sabores.
  • Sword and Shield: Isto funcionaria como uma marca de roupa desportiva masculina. Faz referência a armas antigas que estão romantizadas na nossa sociedade atual.

Últimos aspetos a lembrar

Se leu o artigo por completo, espero que o tenhamos ajudado a ficar um passo mais perto do nome perfeito para a sua marca. Entenda que a sua marca é mais do que um nome. O nome é apenas o ponto de início, é a base sob a qual constrói a sua identidade de marca.

O seu nome deve ser único, fácil de lembrar e claramente comunicar a personalidade e mensagem por detrás da marca. Tente não se restringir a um nome muito específico relacionado ao produto ou área, mas pense ao invés disso em termos para construir uma associação positiva. Evite nomes insensíveis ou que são difíceis de pronunciar. Por fim, pense em como o nome da sua marca se traduz para idiomas estrangeiros, pois não quer que o seu nome seja um obstáculo para os mercados internacionais.

This site uses cookies to enhance user experience. Cookie Policy